Chuvas: Alagoas confirma dois casos de leptospirose.


MACEIÓ – O estado de Alagoas, atingido por chuvas que deixaram mais de 30 mortes desde a semana passada, registrou dois casos de leptospirose, segundo exame confirmado, nesta quarta-feira, pelo Laboratório Central de Alagoas (Lacen). O anúncio foi feito pela superintendência de Vigilância em Saúde.

Entre os dias 23 e 29 foram notificados 15 casos da doença. Oito já passaram pela análise do Lacen. De acordo com a superintendência, também foram registradas outras enfermidades em alguns dos municípios atingidos pelas enchentes.

“Até agora foram notificados 129 casos de diarreias; 50 de picadas de animais peçonhentos, como cobras e escorpião e 58 problemas respiratórios, este último tem maioria de ocorrências em Quebrangulo”, disse a superintendente da vigilância, Sandra Canuto.

Em Alagoas houve 37 mortes, 26.618 pessoas estão desabrigadas (perderam suas casas e dependem de abrigos públicos) e 47.897, desalojadas (fora de casa, hospedadas por amigos ou parentes).

Em Pernambuco, 20 pessoas morreram, 26.966 estão desabrigadas e 55.643 desalojadas. No estado de Alagoas, quatro municípios decretaram situação de emergência, e 15, estado de calamidade pública. Em Pernambuco, 27 decretaram situação de emergência e 12 estão em estado de calamidade pública.