Mãe tenta registrar filha com o nome de Jabulani na região Seridó.


Jardim de Piranhas – Uma notícia curiosa ganhou o mundo da internet na último mês. Segundo o site “Futebol Interior”, um casal tentou, no último dia 19 de junho, batizar a filha recém-nascida com o nome de Jabulani, nomenclatura dada à bola usada na Copa do Mundo da África.
A jovem Ana Maria dos Santos, 28, foi até o cartório do município de Jardim de Piranhas, na região Seridó do Rio Grande do Norte, na tentativa de homenagear sua filha com o nome da bola. Porém, o tabelião Pacheco Gomes se recusou a registrar a criança, alegando que a moda poderia pegar e outras mães poderiam procurá-lo com a mesma intenção. “Não pode colocar um nome desse, porque os pais depois se arrependem. Essa moda passa e depois quem sofre é a criança”, esclareceu.
Ana Maria, que estava acompanhada do esposo, Alexandre Santos da Silva, saiu do local revoltada. “Tenho o direito de dar à minha filha o nome que eu quiser; isso é um absurdo.”
O mais curioso foi ela justificar que o nome tinha sido escolhida porque a criança é “redondinha que nem a bola”. “Todo mundo já chama ela de Jabulaninha”, afirmou o pai Alexandre Santos.
A informação se espalhou na internet e muita gente se posicionou a respeito do assunto. Para acessar a notícia como foi escrita pela Agência Futebol Interior, basta entrar no site http://www2.futebolinterior.com.br/copa2010/ news.php?id_news=131658.